Receba as notícias do montesclaros.com pelo WhatsApp
montesclaros.com - Ano 22 - quinta-feira, 21 de janeiro de 2021

Ir para data:


Efemérides - Nelson Vianna   
65698
Por Efemérides - Nelson Vianna - 21/1/2011 08:33:12
Durante anos, o escritor e agrimensor Nelson Vianna, nascido em Curvelo e apaixonado por M. Claros, desde que aqui chegou, pesquisou a história da cidade. Foi a arquivos, jornais, revistas e livros, entrevistou pessoas, vasculhou correspondências – enfim, buscou em toda parte fontes que permitissem levantar a história do município de M. Claros. Conseguiu. Processou sua longa procura e publicou "Efemérides Montesclarenses", que cobrem o período de 1707 a 1962, revelando o que - neste período - aconteceu de mais importantes no cotidiano de nossas vidas. Nelson Vianna, apaixonado por M. Claros, reconhecido ao historiador Hermes de Paula, mais novo do que ele, mas seu auxiliar no trabalho, prestou - prestaram os dois, é preciso gritar isto - uma das mais notáveis contribuições à civilização dita montesclarina. Morreu pobre, materialmente pobre, mas o seu legado espiritual cresce a cada dia, embora ainda não seja suficientemente reverenciado. O tempo, sempre ele, também fará esta reparação. Republicar a resenha histórica pacientemente ajuntada pode ser um começo. Pelo calendário do dia, sairá publicado aqui, desde este 12 de janeiro de 2011, o que ele conseguiu desvendar no vasto tempo de 255 anos - entre 1707 e 1962, de uma Montes Claros nascente, criança e juvenil. Ajudará a cidade a se localizar. Talvez, a se achar. E haverá sempre um preito de gratidão a estes dois - Nelson Vianna e Hermes de Paula, e a muitos outros que, no silêncio, onde Deus fala aos Homens, recolhem o aplauso geral):

21 de janeiro

1880 – Nasce na fazenda Malhada, do Conto, município de Montes Claros, o dr. Pedro Augusto Velloso, filho do tte. João Francisco Velloso e dona Joana Ferreira Godinho. Fez o curso primário em Montes Claros, o normal, em Diamantina, diplomando-se em odontologia pela Escola Livre de Belo Horizonte, em 191. Enquanto exercia a profissão de dentista em Montes Claros, regia as cadeiras de Geometria e Trabalhos Manuais na Escola Normal local, em diversas fases. Em 1928 foi eleito Presidente da Câmara Municipal de Montes Claros e Agente Executivo, exercendo estes cargos até à noite de 4 de setembro do referido ano, quando a casa da Câmara foi ocupada militarmente pelo então tte. Otávio Diniz, com a finalidade de aqueles postos serem assumidos pelo dr. Alfredo de Sousa Coutinho, o que de fato se verificou. Exerceu por vários anos a profissão de dentista em Montes Claros, em cujo município é fazendeiro. É casado com dona Aurora Durães Velloso.
1908 – São aprovadas, em sessão ordinária da Câmara Municipal de Montes Claros, as contas apresentadas relativas à gestão do cel. Joaquim José Costa durante o ano de 1907, verificando-se que a arrecadação foi de 23:049$367, e a despesa de 21:846$552.
1914 – Falece dona Angélica de Carvalho aos 60 anos de idade. Nasceu em Montes Claros, filha de Inácio Machado e dona Delmira Maria de Jesus. Era casada com o cap. Camilo Luiz de Carvalho, fazendeiro no município de Montes Claros.
1920 – Perante o Presidente da Câmara Municipal de Montes Claros, toma posse do cargo de vereador eleito na vaga aberta com o falecimento de João Cattoni Pereira da Costa, o dr. José Corrêa Machado.
1925 – Por portaria n. 1 da Secretaria de Segurança e Assistência do Estado de Minas, Luiz de Sousa Guedes é nomeado para o cargo de escrivão privativo da Delegacia da 20ª Região, com sede na cidade de Montes Claros.
1928 – Nasce, em Montes Claros, o dr. Geraldo de Magalhães Gomes, filho de Benedito pereira Gomes e dona Alda de Magalhães Gomes. Fez o curso primário em sua cidade natal, no Colégio Imaculada Conceição, o secundário, no Colégio Arnaldo de Belo Horizonte, diplomando-se pela Faculdade de Medicina em 1956.
1933 – Nasce, em Santa Bárbara, Minas, Raymundo Lyrio Brant, filho de Abel Miranda Caldeira Brant e dona Maria Lyrio Brant. Foi escriturário, encarregado do Subalmoxarifado da Cia. Força e Luz de Minas Gerais, em Belo Horizonte; Presidente da Liga Montesclarense de Desportos; Consultor Jurídico da União Operária e Patriótica de Montes Claros; Presidente do Sindicato dos Empregados em Estabelecimentos Bancários de Montes Claros e, atualmente, membro do Conselho de Representantes da Confederação Nacional dos Bancários, funcionário do Banco do Brasil e vereador à Câmara Municipal de Montes Claros.
1955 – Instala-se em Montes Claros a agência do Banco do Nordeste do Brasil, a inaugurar-se oficialmente a 22 de janeiro, de 1955, tendo como gerente Waldemar Heyden.
1956 – Inaugura-se em Montes Claros, à rua Altino de Freitas, no edifício Fróis Neto, a agência da Caixa Econômica Estadual, tendo como seu primeiro gerente Meinardo Ezequiel de Oliveira. O ato contou com a presença de autoridades municipais, eclesiásticas e militares, representantes do comércio, da indústria, estando presentes o sr. Wilson Gosling, da Diretoria da Caixa Econômica Econômica de Minas Gerais, representando várias outras pessoas pertencentes à sociedade local.
- Pelo decreto 4.972, é criado o Jardim da Infância, na cidade de Montes Claros.
1962 – São captados pela primeira vez, pelo dr. Ubaldino de Assis, Waldemar Heyden e Antônio Ramos, na cidade de Montes Claros, imagem e som da TV Itacolomi, de Belo Horizonte. No dia anterior, aliás, a experiência já havia sido realizada com pleno êxito, a cerca de 26 quilômetros desta cidade, nas proximidades do Pentáurea Clube. A imagem foi captada com plena nitidez e com perfeito som.




Selecione o Cronista abaixo:
Avay Miranda
Iara Tribuzi
Iara Tribuzzi
Manoel Hygino
Afonso Cláudio
Alberto Sena
Augusto Vieira
Avay Miranda
Carmen Netto
Dário Cotrim
Dário Teixeira Cotrim
Davidson Caldeira
Edes Barbosa
Efemérides - Nelson Vianna
Enoque Alves
Flavio Pinto
Genival Tourinho
Gustavo Mameluque
Haroldo Lívio
Haroldo Santos
Haroldo Tourinho Filho
Hoje em Dia
Iara Tribuzzi
Isaías
Isaias Caldeira
Ivana Rebello
João Carlos Sobreira
Jorge Silveira
José Ponciano Neto
José Prates
Luiz Cunha Ortiga
Luiz de Paula
Manoel Hygino
Marcelo Eduardo Freitas
Marden Carvalho
Maria Luiza Silveira Teles
Maria Ribeiro Pires
Mário Genival Tourinho
Oswaldo Antunes
Paulo Braga
Paulo Narciso
Petronio Braz
Raphael Reys
Raquel Chaves
Roberto Elísio
Ruth Tupinambá
Saulo
Ucho Ribeiro
Virginia de Paula
Waldyr Senna
Walter Abreu
Wanderlino Arruda
Web - Chorografia
Web Outros
Yvonne Silveira